Central: (19) 3381-4748 / WhatsApp (19) 99944-4748

A importância da prática de esportes

  Danilo Higa   jul 20, 2015   Blog   0 Comentários

Falamos tanto em emagrecimento, de ter bons hábitos alimentares, mas também é necessário ressaltarmos a enorme importância da prática de esportes!

O que poucos sabem, é que o esporte gera uma surpresa deliciosa conforme os treinos avançam – são os benefícios emocionais. Fazer exercícios pode melhorar a autoestima, combater a indisposição e até mesmo melhorar a memória!

exercícios-físicos-fisest

exercícios-físicos-fisest

Quer conhecer mais benefícios dos esportes?? Seguem alguns deles:

Aumenta o convívio social
“Esportes coletivos facilitam o convívio social, já que a prática depende da interação entre os alunos”, afirma o educador físico e fisiologista do exercício Gustavo Lopes, da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ). Ele conta que mesmo os esportes considerados individuais, como corrida ou natação, têm modalidades em grupo ou podem ser praticados em companhia de outras pessoas. “Nesse caso, o esporte também é uma oportunidade para fazer amigos novos”. 

Autoestima
O convívio com outras pessoas que praticam esportes e as modificações que a atividade física promove no corpo, deixando-o mais forte e saudável, também influenciam na forma como você se vê no espelho. “O maior impacto acontece com pessoas que estavam muito acima do peso e passam a se enxergar de outra maneira depois de começar os esportes”, afirma o educador físico Fábio Miranda, coordenador do Centro de Wellness do Instituto Wilson Mello. Além disso, as conquistas do esporte proporcionam muita confiança, o que tem interfere de forma positiva na autoestima.  

Xô indisposição!
Quem pratica esporte garante: a atividade física é inimiga número um da preguiça. O exercício cansa o corpo durante sua a realização, mas o efeito nas horas restantes é inverso: sobra disposição para o trabalho e para o lazer. “Durante qualquer atividade física, o cérebro libera endorfina, hormônio responsável por diminuir o estresse, deixando você mais relaxado e disposto”, afirma Fábio.  

Diminui a ansiedade
A prática de exercícios físicos já vem sendo estudada como parte do tratamento contra ansiedade. O fisiologista Gustavo Lopes, entretanto, afirma que essa relação ainda não está totalmente comprovada. “Mas tudo indica que a concentração no treino ajuda a esquecer, por algum tempo, os problemas geradores de ansiedade e isso já desponta como um grande benefício”. 

Memória afiada
De acordo com uma pesquisa feita pela Unicamp, praticar esportes como artes marciais, dança, natação e corrida pode favorecer o bombeamento de sangue para o cérebro e outras partes do corpo, além de estimular a criação de novas sinapses (conexões entre os neurônios) e aumentar a capacidade de comunicação entre as células nervosas. Tudo isso deixa o raciocínio mais rápido e melhora a memória, prevenindo contra doenças como Alzheimer e outras demências.  

Melhora o humor
Os exercícios físicos aumentam os níveis de serotonina e dopamina, hormônios responsáveis por melhorar o humor. A psicóloga e terapeuta comportamental Denise Diniz, coordenadora do Setor de Estresse e Qualidade de Vida da Unifesp, conta que o organismo só funciona corretamente se houver equilíbrio entre o físico e o psicológico. “Quando uma pessoa triste ou desanimada consegue ânimo para se exercitar, também consegue ânimo para superar dificuldades psíquicas, como a depressão”. “A distração, o convívio social, a recreação e a energia que o treino proporciona também contribuem para o bom humor”, afirma Gustavo Lopes.  

Dormindo melhor
Um estudo da American College Sports Medicine (EUA) descobriu que a prática diária de , pelo menos, 30 minutos de atividade física faz você dormir melhor e com mais facilidade. Noites mal dormidas podem levar a problemas como cansaço durante o dia, redução da memória e até depressão. Os especialistas associam a endorfina como a responsável pelas boas noites de sono. “A atividade física proporciona um sono mais profundo, deixando o corpo mais descansado e com mais disposição para o dia seguinte”, afirma o fisiologista. “Mas o ideal é realizar os exercícios no mínimo quatro horas antes de dormir, pois a elevação da temperatura corporal pode dificultar o sono”. 

Site: https://fisest.com.br/
Youtube:https://www.youtube.com/c/fisestcentroespecializadoemest%C3%A9ticaholambra
Google Plus: https://plus.google.com/u/2/b/101387302950925218216/+fisestcentroespecializadoemest%C3%A9ticaholambra/posts
Facebook: https://www.facebook.com/Fisest
Twitter: https://twitter.com/fisest
Instagram: http://instagram.com/fisest
Telefone: (19) 3381-4748
WhatsApp: (19) 99944-4748

Postar comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*